Canteiro de obra em Jirau é destruído após violentas manifestações

A Imprensa teve acesso ao interior do canteiro de obras na usina de Jirau e registrou a situação de destruição em que ficou o local, após protesto dos operários, que teve inicio na tarde de terça-feira (15) e foi parcialmente controlada pelo Polícia Militar nesta quarta-feira (16). Operários ameaçam recomeçar o quebra-quebra agora à noite.

A Polícia Militar já pediu reforço e os ônibus que chegaram ao canteiro, com funcionários que reiniciariam os trabalhos no canteiro, foram orientados a retornar à Porto Velho.

A manifestação teve início, após uma discussão e agressões físicas entre motoristas e operários. Os manifestantes que já haviam anunciado fazer protesto para exigir correção salarial, começaram uma onda a incendiar os ônibus coletivos. As informações são de operários estavam no local no início no início da destruição.

Os operários revoltosos incendiaram 45 ônibus e dezenas de carros de funcionários e de empresas privadas. A farmácia, a sala de televisão e vídeo, a lan house também foram incendiadas.

Parte dos alojamentos, a agência bancaria e a loja da Vivo foram saqueadas e destruídas por incêndio. Operários ameaçam destruir, nesta noite, os alojamentos que restam intactos.


Fonte: Rondoniavip e Imagens News
Fontos: Imagennew.com


Veja Video Exclusivo