Veículo participando de racha bate em dezenas de pessoas e dois morrem


Um trágico acidente ocorrido na noite deste último sábado (19), no município de Vale do Anari, resultou em duas vítimas fatais e 10 pessoas feridas.
Segundo informações de testemunhas, dois veículos sendo um Fiat Pálio, cujo motorista e o veículo não são conhecidos no município, e um Volkswagen Gol, de cor vermelha, Placa NCM-5200, conduzido por Tiago Ferrari Lima, residente no município de Ouro Preto do Oeste, seguiam em alta velocidade disputando um racha pela Avenida Capitão Silvio de Farias, quando em dado momento o veículo Gol colidiu no Palio e veio a perder o controle, invadindo então uma sorveteria localizada próxima à Praça Municipal, chocando-se inicialmente em um pilar de sustentação e em seguida atropelando inumeras pessoas. Devido ao impacto a cobertura da Sorveteria não resistiu e desabou por sobre as dezenas de pessoas que se encontravam no estabelecimento. O veículo parou somente após colidir em uma parede de concreto. Tiago saiu em fuga adentrando em outro veículo, cujo o motorista havia parado para prestar socorro às vítimas, esquecendo a chave na ignição, e tomou rumo ignorado. Já o condutor do Pálio não se teve notícias.

O Policial Militar R. Fernandes, que se encontrava de folga no dia, ajudou nos primeiros socorros às vítimas e isolou a área até a chegada dos policiais de plantão. Todas as vítimas foram socorridas e levadas ao Pronto Socorro local, sendo que Vandernei Sebastião dos Santos Junior, um garoto de 11 anos e Júlia Rafael do Nascimento, de 31 anos, vice-diretora da Escola Bartolomeu Lourenço, não resistiram aos ferimentos e vieram a óbito. Deivide Pereira Rosa, que é irmão de Vandernei, encontra-se no Hospital Regional de Ji-Paraná, onde foi encaminhado com fratura exposta no tornozelo. As demais vítimas tiveram pequenos ferimentos e escoriações, sendo que algumas foram liberadas após os primeiros socorros, e outras continuam sob observação médica.

O corpo de Júlia está sendo velado no distrito de Bom Jesus, onde residem seus familiares. Já o corpo do estudante Vandernei está sendo velado na Igreja Evangélica "A Palavra de Cristo para o Brasil" em Vale do Anari.

A família do adolescente Vandernei e Deivide, que se encontravam no local da tragédia, bastante abalada pede justiça. Em especial a mãe que está com várias escoriações pelo corpo, inconformada com o ocorrido e acompanhando o velório do filho, e ainda bastante preocupada com o outro filho que permanece internado em Ji-Paraná. O pai de Vandernei também teve ferimentos na cabeça.

Informados dão conta de que o veículo em que Tiago fugiu foi encontrado, porém até o momento ele ainda não se apresentou a polícia. O serviço de investigação da Polícia Civil já está trabalhando para elucidar o caso.


Fonte: Jaru On Line/rondoniavip