Homem é assassinado a golpes de tijolo em Vilhena


Acionada por telefone na manhã deste domingo, 25, por uma pessoa que informava sobre um corpo ensanguentado na rua 103-15 do bairro Barão do Melgaço III, em Vilhena, a Polícia Militar chegou ao local indicado e confirmou a informação. Caído próximo ao meio fio, e com um ferimento na cabeça, estava o homem identificado como de Edivaldo Rodrigues, de 37 anos.

Ao lado do cadáver, que tinha o rosto coberto por um pano, estava um tijolo também contendo sangue. A suspeita é que o objeto tenha sido usado para matar a vítima, cujos familiares moram na cidade de Ji-Paraná.

Sem testemunhas do ataque, os policiais ouviram a ex-esposa de Edivaldo, de quem ele está separado há cerca de dois meses. A mulher disse desconhecer desentendimentos entre ele e outras pessoas.
Após liberar o corpo, com a realização do trabalho dos peritos, a polícia deu início às investigações, mas nenhum suspeito foi identificado até este momento.





Fonte: Folha do Sul
Autor: Da redação