BREAKING NEWS
latest

23/04/2019

Estudante fica com braço preso e é arrastada por ônibus em Goiânia

A estudante universitária Márcia Cristina Tavares ficou com o braço preso em um ônibus do Eixo Anhanguera e foi arrastada pelo veículo por alguns metros pela GO-060, em Goiânia. Imagens gravadas por pessoas que passavam pelo local mostram quando ela tem que correr para acompanhar o veículo. Quando os pedestres começaram a gritar, o motorista parou o veículo e abriu a porta, mas seguiu viagem em seguida.
G1 entrou em contato no início da tarde desta terça-feira (23), por e-mail, com a assessoria da Metrobus e aguarda um posicionamento.
O acidente ocorreu na segunda-feira (22). De acordo com a jovem, o ônibus em que ela estava havia quebrado e, por isso, todos desceram e estavam subindo em outro veículo quando ela ficou com o braço preso. A menina contou que ficou com muita dor no braço e precisou engessar o membro.
Márcia Cristina é de São Luiz de Montes Belos, mas se mudou para a capital há dois meses para poder estudar ciências ambientais na Universidade Federal de Goiás (UFG). Ela tem aulas no setor Universitário, mas mora no Parque dos Buritis com parentes.

Outro acidente

Enquanto estava no Terminal Praça A, no setor Campinas, uma equipe da TV Anhanguera flagrou uma outra passageira com parte do braço do lado de fora do Eixo Anhanguera.
As imagens mostram que só depois de andar um pouco o motorista percebe o problema, para e abre a porta do veículo para ela poder sair.

« ANTERIOR
PRÓXIMA »

Nenhum comentário